quinta-feira, 31 de janeiro de 2008

Novo cronograma de postagem

Esse primeiro mês de postagens serviu de experiência para eu poder ver que tipo de assunto abordaria no Blog. Os principais tópicos foram: Dicas do MacGyver, Dicas de Passeio, Livros, Filmes, Seriados, Softwares, Web 2.0 e Dicas em Geral.


Decidi então criar um cronograma que me ajudará a organizar as postagens do dia. Então, a partir de 1º de Fevereiro de 2008, as postagens serão da seguinte forma:

Segunda-Feira
– Dicas do MacGyver

Terça-Feira
– Dicas de Livros

Quarta-Feira
– Dicas de Seriados

Quinta-Feira
– Video-Tutorial ou Web 2.0

Sexta-Feira
– Dicas de Passeio

Sábado
– Dicas de Filme

Domingo
– Não tem postagem, é dia de descanso!

Vou continuar publicando apenas 3 tópicos diários (claro que poderá haver exceções), um deles é o que está indicado no cronograma acima, os outros dois serão temas variados ou que atendam aos pedidos recebidos.

Espero contar com a ajuda de vocês para continuar mantendo este espaço sempre atualizado.

Obrigado pelas visitas e comentários.

Um grande abraço!

Professor Abrahão

Trabalho de impressão inapagável

Essa semana passei por um caso curioso. A nossa impressora laser, que recebe as impressões da maioria das máquinas da rede, parou de imprimir devido a um documento na fila de impressão que nem imprimia nem conseguíamos excluí-lo.

Tentei de tudo, até mesmo quis excluir a impressora, mas por incrível que pareça, o Windows não permitia a exclusão da mesma devido ao dito cujo.

Depois de muito quebrar a cabeça e pesquisar em vários fóruns, encontrei um tópico que mostrava a seguinte solução:

Digite o texto abaixo no bloco de notas e salve o arquivo com extensão BAT.

@echo off
net stop spooler
pause
echo.
del %windir%\system32\spool\printers\*.* /q /s
net start spooler

Esse código desativa o serviço de impressão, remove tudo o que estiver na fila e ativa novamente o serviço de impressão. Não é a OI, mas é “simples assim”.

Esse vai entrar pra minha lista dos Códigos TQT.

Você já passou por esse problema? Comente!

P.S.
Descobri depois que os travamentos eram causados por impressões vindas de usuários da Área de Trabalho Remota do Windows 2003 Server. Na tela de conexão, há uma opção para tornar os recursos locais disponíveis remotamente. Desmarque a opção Impressoras e instale a impressora desejada direto no servidor.

Dica do MacGyver: Teclado Dobrável

Se depois de assistir ao excelente Duro de Matar 4, e ver a cena onde o hacker desenrola um teclado sobre a mesa e começa a desativar sistemas, você ficou com vontade de fazer o mesmo (a parte do teclado, não da desativação...), veja como criar seu próprio teclado flexível sem precisar gastar uma nota num teclado daqueles.


O que você vai precisar:

- 1 teclado PS2 ou USB (do mais barato que você achar, +/- R$ 13,00)
- 1 folha de etiquetas adesivas (R$ 0,50)
- Chave de fenda (se você não tiver, pegue emprestado do vizinho)
- 20 cm de fita adesiva resistente
- Tesoura

Procedimento de montagem:

1. Desparafuse a tampa traseira do teclado e separe a membrana de contatos e o circuito que é ligado ao cabo.





2. Imprima no papel de etiqueta todas as teclas do teclado (alfabeto, números e teclas especiais).


3. Recorte e cole sobre o teclado nas respectivas posições (onde aparecem umas bolinhas na membrana).

4. Fixe o circuito à membrana usando fita adesiva ou cola quente.


Agora é só carregar ele por ai e fazer inveja a seus amigos! : )

Comente!

quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Burlando o Rapidshare e similares

Muitos sites que visito publicam arquivos no Rapidshare, Easy Share e outros sites do gênero. Os usuários que não desejam pagar pelo serviço de download, acabam fadados a esperar uma eternidade entre um download e outro. Depois de algum tempo acabei descobrindo um macete que resolve o problema.


Isso só funciona para quem usa Velox ou outro tipo de conexão com IP Dinâmico (aquele que muda cada vez que você conecta). Ao finalizar um download, desconecte o Velox e conecte novamente. Pronto, pode baixar o próximo arquivo. Algumas vezes será necessário limpar o cache e cookies do navegador.

Pra quem usa internet via rádio a coisa é mais complicada... falarei um outro dia sobre isso.

Comente!

Outlook Express e a Faxina Geral

Outro dia a telefonista aqui da empresa me chamou para ver o computador dela, pois a mesma não estava conseguindo enviar e-mails. Como de costume comecei verificando as configurações dos servidores POP e SMTP, além das respectivas senhas e coisas do tipo. A princípio não havia nada de errado.

Reiniciei o computador e simulei algumas situações de envio. Logo de cara apareceu um erro relacionado ao armazenamento das pastas, que por algum motivo não estava mais conseguindo ser bem gerenciado naquele K6 500 com 128MB RAM.

Quando cliquei nas pastas para visualizar o conteúdo, matei o problema de cara: havia mensagens de pelo menos uns 10 meses armazenadas tanto na Caixa de Saída quanto na Caixa de Entrada. Mais de 2000 mensagens em cada, a maioria com anexos gigantescos dos documentos escaneados que ela transmite para outras empresas.

Consultei a pasta de armazenamento do Outolook e vi que já estava ocupando mais de 700MB. Então comecei o processo de limpeza, conforme descreverei a seguir:

1. Ordenei as mensagens por data de recebimento, clicando no cabeçalho “Recebido” (na imagem, seta à direita) e excluí todas as mensagens com mais de 60 dias. Apaguei apertando SHIFT + DELETE para não transferir os dados para a pasta Itens Excluídos (Lixeira), ou a espera seria uma eternidade pois o Outlook iria regravar tudo em outro arquivo no disco.


2. Com os arquivos que sobraram, fiz outra limpeza, ordenando pelo Anexo (na imagem, seta à esquerda) e excluí (também com SHIFT+DELETE) todas as mensagens que possuíam anexo e data de recebimento acima de 30 dias.

3. Repeti o mesmo processo anterior com os Itens Enviados.

4. Fiz a limpeza dos Itens Excluídos, clicando com o botão direito e escolhendo a opção Esvaziar a pasta Itens excluídos.



5. Por último fui no menu Arquivo > Pasta > Compactar Todas as Pastas para desfragmentar o arquivo de armazenamento e liberar espaço no disco.



Com esse procedimento consegui liberar 600 MB de lixo. O programa ficou extremamente rápido para abrir e não aconteceu mais o erro que estava impedindo o envio das mensagens.

Já anotei na minha agenda a data da próxima faxina para não deixar acumular tanto lixo.

A maioria das pessoas utilizam Webmail, mas mesmo em sua caixa postal on-line é importante fazer uma faxina periódica.

Você usa o Outlook ou só webmail? Comente!

Bonequinhos Palitos

Muitos anos atrás, surgiu um arquivo flash (clique em watch this movie) na internet que mostrava a animação de um bonequinho palito lutando contra uma centena de inimigos. O pequeno vídeo, entitulado Xiao Xiao, conquistou uma legião de fãs e inspirou centenas de novos títulos protagonizados pelos bonequinhos.




Descobri que existe um site que é especializado em reunir essas animações, principalmente aquelas que possuem muita luta, tiros e outros tipos de ação que geralmente levam o personagem pro buraco. O site se chama Stick Figure Death Theater (ou Cinema da Morte do Bonequinho Palito).

Vale a pena dar uma olhada na criatividade das animações, mas se você tem estômago fraco, ou sofre do coração, é melhor passar longe ou visitar o site da Turma da Mônica.

Recomendo esse video onde os bonecos usam magias, diversas armas e golpes de artes marciais impressionantes. E esse outro que deixa Jet Li e Jackie Chan no chinelo. Esse tem um visual bem diferente, com história narrada e tudo mais. Confira a lista dos 50 mais bem votados.


Um site nacional também coleciona algumas animações e oferece dicas para os desenhistas.

Se quiser também ser um cineastra, não precisa dominar todos os recursos do Flash para criar sua própria animação. Existe um programa chamado StickMan que você pode com facilidade montar o roteiro de sua super-produção. E o Pivot Stickfigure Animator possui um esquema semelhante.


Vai arriscar ficar famoso? Comente!

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Videos da Antispam.Br

O CGI.BR – Comitê Gestestor da Internet no Brasil, ao longo dos anos tem se esforçado para conscientizar o usuário da rede sobre os perigos do mundo digital. Para auxiliar nesse trabalho, lançou uma cartilha eletrônica que explica sobre fraudes, privacidade, invasão de redes, vírus e muito mais.

E dando continuidade ao projeto, foram produzidos 4 vídeos que abordam os mesmos temas, explicando de forma bem clara como é o funcionamento da internet, quais são os tipos de vírus e como se livrar das pragas virtuais.



Os vídeos são tão bons e didáticos que estou utilizando-os em minhas aulas sobre internet.

Assista os vídeos e deixe seu comentário!

Casa Da Revista

Ahhhh... como era bom visitar a Casa da Revista aqui de Mossoró. No tempo da faculdade eu passava um longo tempo folheando a SuperInteressante, SET, as revistas de videogame (que não vinham em saquinhos), alguns quadrinhos e aqueles livretos com dicas de informática... que pena que aquele tempo passou.

Os caras não bloquearam a leitura livre, o problema é que não tenho mais tempo de passar lá. Acho que foram apenas 3 visitas durante o ano de 2007, nas quais adquiri uma revista com 2 CDs sobre JAVA, uma outra que trouxe um CD de provas de concursos públicos e finalmente a JAVA Magazine (que pela minha lembrança ainda está lacrada...)


É pessoal, realmente está difícil encontrar tempo para acompanhar as publicações periódicas. Aqui na empresa temos assinatura da VEJA, PEGN, ISTO É, SUPER, algumas outras voltadas para a área de veículos automotivos diesel, além dos jornais locais. Sempre que passo pelo balcão de vendas dou uma folheada em algumas páginas.

Pra mim, ler revista tem que ser uma coisa divertida, tipo deitar numa rede, ler umas matérias, tirar uma soneca, e ao acordar ver que ela está com as páginas amassadas e que serviu de babador. Há tempos não sei o que é isso...

Não sou muito chegado a ler na tela do computador, mas costumo baixar algumas publicações on-line para suprir a falta dos periódicos convencionais. Então resolvi relacionar algumas boas revistas eletrônicas (gratuitas):

Revista Guia do Hardware – BR, PDF, +/- 100 pág. – Muitas dicas sobre configuração de equipamentos, instalação de programas e sistemas, Linux, análises, testes, tutoriais e muito mais. Ter um visual moderno, e as páginas são em formato de Slides, dá pra visualizar no monitor sem usar a barra de rolagem.

Revista Procedural – BR, PDF, SEMESTRAL, +/- 100 pág. – Dicas sobre Modelagem 3D, Blender, animação, renderização.

GimpZine – BR, PDF, TRIMESTRAL, +/- 25 pág. – Explora recursos sobre o editor de imagens gratuito GIMP.

BROffice Zine – BR, PDF, TRIMESTRAL, +/- 25 pág. – Relata experiências de uso do BROffice por empresas, organizações, usuários comuns, traz dicas sobre o uso dos programas e explica como criar certos tipos de documentos. Ótimo material.

Revista Programar – PT, PDF, BIMESTRAL, +/- 25 pág. - Explora diversas linguagens como C++, PHP, RUBY, etc. Traz dicas, técnicas de programação, exemplos de código, e muito mais.

Revista Linux – PT, PDF, BIMESTRAL +/- 40 pág. – Software Livre, personalização das distribuições Linux, dicas avançadas, etc.

Revistas GamerZines – ING, PDF, MENSAL, +/- xxx pág.- Diversas revistas sobre jogos de videogame dos consoles atuais: XBOX, PSP, NDS, PC, PS3, etc.

PDF-Mags.com – ING, PDF, PERIÓDICAS - Um portal que reúne diversas publicações gratuitas sobre os mais diversos temas: arte, áudio, computação, quadrinhos, arquitetura, música, fotografia, ciência, filmes e muito mais.

Para ler, uso o excelente Foxit PDF Reader, que tem pouco mais de 1 MB contra 20 MB (isso o instalador) do Adobe Reader.

Se conhecer mais alguma boa revista on-line, deixe o link nos comentários!

Muito Mais Torrents

No outro dia falei sobre o YouTorrent que agregava os resultados de 13 ferramentas de busca torrent. Acabei por encontrar outro site, o Torrent Finder, que agrega 187 ferramentas de busca torrent. Puro exagero!


Se você não encontrar o que quer procurando aqui, pode desistir que não acha mesmo!!! :)

Recomendado para quem tem banda larga.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

Use o Notebook em qualquer lugar

A praticidade que um notebook trás às nossas vidas é incontestável. Entretanto, apesar de ser um aparelho portátil, é praticamente obrigatório estarmos sentados para poder usá-lo. É extremamente inconveniente usar um note de pé, segurando com uma mão e mexendo nele com a outra.

Pensando nisso, uma empresa lançou um tipo de mochila-mesa que permite você passear por ai e usar o notebook com ambas as mãos simultaneamente.


Clique para saber mais e assistir a um vídeo demonstrativo.

Achei o preço legal, aproximadamente R$ 63,00 (Us$ 35,00).

Em breve o MacGyver vai bolar uma solução baratal!

Você usaria um treco desses? Comente!

Recuperando arquivos apagados

Aqui no trabalho é comum o pessoal me procurar para tentar recuperar arquivos apagados acidentalmente. Depois de muito pesquisar, encontrei um programa gratuito e bem pequeno que faz o serviço direitinho.

O File Recovery funciona em drivers formatados com FAT e NTFS (Windows 95, 98, ME, NT, 2000, XP, Vista) e é tão fácil de usar que chega dá uma alegria.


Basta selecionar o Drive onde estava o arquivo, colocar o nome ou extensão e clicar em Search. Em poucos segundos a lista de arquivos será exibida. Aí basta marcar o arquivo desejado e clicar em Restore.

Claro que nem todo arquivo volta 100%, mas já consegui excelentes resultados em HDs, PenDrives, MP4 e até numa Câmera Digital.

Não pague mico em apresentações

Outro dia participei de um treinamento oferecido aos professores de uma das instituições onde leciono, e observei uma situação inconveniente durante a última apresentação da noite.

O palestrante preparou os slides com os tópicos a serem explanados, gravou os dados no cd e saiu despreocupado para realizar seu trabalho. Entretanto, ao colocar o cd no drive e clicar no arquivo para abrir, nada aconteceu...

Isso porque ele não atentou para um simples detalhe: o programa que criou o arquivo foi o POWER POINT 2007, que é novidade e poucas pessoas ainda utilizam essa versão. O que aconteceu foi que alguém precisou sair no meio do treinamento à procura de um notebook que tivesse o programa instalado, e acabamos por desperdiçar um bom tempo da palestra.

Para que isso não aconteça com você, seguem algumas dicas de como evitar problemas de versões.

1. Use PDF. Se a apresentação não possui animações ou recursos multimídia, exporte o arquivo como PDF, pois é um excelente formato de intercâmbio e pode ser lido na maioria dos computadores. O Microsoft Office não possui suporte nativo a esse formato, mas isso pode ser resolvido com a instalação de uma Impressora Virtual PDF como a criada pelo programa gratuito PDF Creator. Edite seu arquivo normalmente e quando quiser transformá-lo em PDF, escolha a opção de imprimir, como se fosse mandar para a impressora, mas ao invés disso escolha a impressora PDF Creator. O sistema irá perguntar onde salvar o arquivo, digite um nome e clique em Salvar (Save).

Aproveite e coloque no cd ou pendrive o Foxit Reader, um leitor de PDF de pouco mais de 1Mb e que dispensa instalação.

2. Salve em versão anterior. Se você for na opção Arquivo > Salvar Como... poderá escolher entre diversos formatos diferentes, entre eles um que é compatível com as versões do Office 2003 e anteriores. Lembre-se que alguns dos novos recursos poderão ser perdidos ou substituídos por outros similares.

3. Converta para Video/Flash. Se sua apresentação tem animações e efeitos, é interessante mantê-los realizando a conversão do arquivo para flash com o authorPoint Lite ou transforme em vídeo usando o CamStudio (já comentado anteriormente aqui no blog) para capturar o que se passa na tela.

4. Use o Microsoft Power Point Viewer. Se tudo mais falhar, carregue o gratuito PowerPoint Viewer para onde for. São 25MB, mas é garantido seu arquivo rodar.

sábado, 26 de janeiro de 2008

Dica de Informática: Diminuindo o tempo de Boot

No outro dia falei sobre o recurso de Hibernar o PC para melhorar o tempo de Boot. Hoje quero comentar sobre outra dica que pode ajudar a acelerar um pouco as coisas.

Boa parte do tempo gasto na inicialização do computador não é realmente do Boot, e sim do carregamento dos programas que estão programados para inicializar junto com o Windows.

As vezes os colegas me pedem para olhar o computador deles por estar lento, e a primeira coisa que eu reparo é na quantidade de ícones que aparecem junto ao relógio do Windows.


O que essas pessoas não sabem é que cada um desses ícones representa um programa em execução, conseqüentemente, está consumindo memória e outros recursos do sistema. Recursos estes que poderiam ser usados para acelerar o funcionamento do que você realmente quer usar.

Por exemplo: já encontrei casos em que o MSN, Skype e GTalk (3 mensageiros instantâneos) estavam sendo carregados na inicialização, e dois deles nem sequer eram usados pelo camarada.

Abaixo relacionei algumas dicas que ajudarão a se livrar do “lixo” e melhorar um pouco o desempenho do PC.

1. Desinstale todo o que não usa. Não adianta deixar um monte de programas ocupando espaço se a maioria você nunca usa. É melhor manter por perto um cd com o instalador (como o Kit Básico TQT, postado no outro dia). Vá no menu INICIAR > PAINEL DE CONTROLE > ADICIONAR OU REMOVER PROGRAMAS. Tire tudo o que você sabe que não usa. Se tiver dúvida sobre para que serve algum programa, pergunte a alguém que tem mais experiência para não acabar apagando o que não deve.

2. Desative o carregamento automático do programa. Praticamente todos os programas que aparecem na bandeja do sistema vem com a opção “iniciar com o Windows” ou “carregar na inicialização do sistema”. Se você pretende manter o programa instalado, procure desmarcar essa opção em cada programa.

3. Removendo à força. Apague os ícones que estiverem em INICIAR > TODOS OS PROGRAMAS > INICIALIZAR, os programas dessa pasta são carregados automaticamente ao entrar no Windows. Se você não conseguiu encontrar a opção de desativar a inicialização do passo 2, ou quer ver se tem mais algum programa que carrega e não mostra ícones, vá em INICIAR > EXECUTAR, digite msconfig e aperte Enter. Isso vai abrir a janela de configuração do sistema. Clique na guia Inicializar e desmarque os programas que você não desejar carregar. Cuidado para não desativar o Anti-Virus ou algum outro programa importante.



4. Adiando a inicialização. Existe um programa gratuito chamado Startup Delayer que permite você programar o tempo de inicialização dos programas. Por exemplo, no meu computador, eu programei para o uTorrent abrir 5 minutos após o Windows iniciar, e o eMule 10 minutos depois. Assim o micro inicializa folgado e só depois os programas mais pesados são carregados.


Depois de tudo isso, só falta você escrever nos comentários se seu computador ficou mais rápido.

Dica de Leitura e Video: A Bússola de Ouro

Mais um livro que chega às telas de Hollywood. Desta vez iremos nos aventurar com Lyra Belacqua, uma garota de 11 anos que mora na Faculdade Jordan, em Londres. Não a Londres que conhecemos, mas sim uma cidade que pertence a outro mundo.

Um mundo onde a alma das pessoas não fica dentro do corpo, ela caminha ao lado de seu dono na forma de um animal que é chamado Daemon (ou Dimon). Existe uma forte ligação entre o humano e seu daemon de tal forma que é considerado uma falta de respeito tocar o daemon de outra pessoa.

Nesse mundo existem bruxas, ciganos, cientistas, ursos polares que são exímios ferreiros, e uma organização dentro da igreja que persegue o chamado : uma substância invisível a olho nu que ao longo dos anos se acumula nas pessoas e parece possuir as respostas para tudo que existe no universo.


Em A Bússola de Ouro, de Philip Pullman (o livro mudou de nome depois do lançamento do filme, antes era chamado A Bússola Dourada), Lyra aventura-se para salvar um amigo que foi seqüestrado.

A menina conta com a ajuda de um instrumento mágico chamado Aletômetro (também conhecido como Bússola Dourada), que é capaz de revelar a verdade sobre todas as coisas àquele que consegue compreendê-la. E contará também com a ajuda de diversos amigos conquistados ao logo do caminho, como a Bruxa Serafina Pekala, o Balonista Lee Scoresbi e o Urso de Armadura Iorek Byrnison.

Este é um dos melhores livros que já li (duas vezes, por sinal) e que sempre estará a minha lista de re-leitura.


O filme é maravilhoso. Conseguiu captar perfeitamente o ambiente e os personagens foram escolhidos a dedo, entre os atores está Nicole Kidman, que vive a Sra. Coulter, a vilã da história.

- Veja o trailer legendado (versão extendida com 6 minutos).
- Leia a ficha técnica.
- Visite o site oficial.

Este é o primeiro livro de uma trilogia. Comentarei sobre os demais títulos nas próximas postagens.

PROFESSOR ABRAHAO RECOMENDA

Você já leu este livro? Já viu o filme? Comente!

Dica de Informática: Criando Unidades Virtuais

No tempo do MS-DOS, quem conhecia todos os comandos conseguia fazer misérias no micro. Entre os comandos obscuros (aqueles que poucos conhecem) existe um que pode ser usado para facilitar o trabalho de ficar alternando entre pastas.

O comando SUBST permite o usuário criar um atalho para uma pasta direcionando substituindo o endereço completo por uma letra de unidade, por exemplo: a pasta c:\Arquivos Diversos\Meus Textos\Apostilas pode ser atribuída a letra T:

Para usar o comando, abra o prompt de comando (Iniciar > Todos os Programas > Acessórios > Prompt de Comando, ou vá em Iniciar > Executar, digite cmd e aperte Enter) e digite conforme mostrado abaixo:

subst t: “c:\arquivos diversos\meus textos\apostilas”

onde:
subst – é o comando
t: – é a letra a ser usada. Pode ser qualquer letra do alfabeto que esteja livre.
“caminho” – é a pasta que você quer acessar. Escreva entre aspas.

Uma dica é atribuir letras às pastas mais acessadas, como t: para textos, v: para vídeos, p: para programas e por ai vai... na hora de salvar ou abrir um arquivo, digite a nova unidade e aperte enter para acessá-la.

Esse comando precisa ser executado cada vez que o Windows é iniciado. Então é uma boa idéia criar um arquivo de lote (.BAT) e colocar um atalho na pasta Inicializar do menu iniciar.

Se quiser eliminar a unidade, digite subst t: /d (onde t: é a letra que você quer remover).

Para quem não tem muita intimidade com o Prompt de Comando, há também a opção de usar o VisualSubst para fazer o mesmo usando o mouse.



Você conhecia esse recurso? Comente!

sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Armazenamento de Arquivos On-Line

É cada vez mais comum armazenarmos arquivos on-line para que estejam acessíveis em qualquer lugar que acessarmos a internet. Já são centenas os sites que oferecem esse serviço, alguns são pagos (os mais seguros) e outros são gratuitos (sua conta pode ser desativada a qualquer hora sem aviso prévio).

Vou comentar sobre alguns dos serviços que eu utilizo, e você poderá escolher qual mais se adéqua a seu uso.

4Shared – Um serviço muito utilizado por sites que oferecem mp3 para download. Abri uma conta há algum tempo mas desisti de mantê-la pelo seguinte inconveniente: se você passar mais de 30 dias sem logar, sua conta é cancelada e você perde tudo que tem armazenado. A interface não é tão amigável, e quando alguém vai fazer o download, ainda tem o inconveniente de esperar quase 1 minuto para que o link seja liberado, além da página ser lotada de propagandas.

PROFESSOR ABRAHÃO NÃO RECOMENDA

File.io – Esse é um serviço simples e prático, não tem frescuras com cadastro, é preencher e usar. Você manda os arquivos e eles são listados numa página do tipo: http://file.io/seu-nome. São 200 Mb de espaço. Não há opção para criar pastas e tudo o que você manda fica automaticamente compartilhado (qualquer pessoa que souber o endereço da sua pagina poderá baixar). Além disso, os arquivos expiram em 30 dias e são removidos da página, e os nomes dos arquivos são modificados para uma seqüência aleatória de caracteres. Apesar os poucos recursos é um meio bastante prático de enviar arquivos pequenos para várias pessoas sem depender do e-mail.


PROFESSOR ABRAHÃO RECOMENDA

Box.net – Um excelente site que oferece 1GB de espaço gratuito para você guardar o que quiser (existem planos pagos para 5Gb e 10Gb). Tenho usado ele para armazenar os vídeos do site www.javamater.2ya.com há quase 2 anos sem nunca ter passado por qualquer transtorno. Você pode criar pastas e compartilhar arquivos individualmente. Oferece inclusive uma página de compartilhamento personalizada, com design bonito e funcional. Possui também um editor de textos e de planilha on-line, semelhante ao Google Docs. Também é fácil de cadastrar, basta clicar em Sign Up, preencher seus dados e sair usando. É de longe o melhor serviço que eu testei.


PROFESSOR ABRAHÃO RECOMENDA COM TODA FORÇA DO UNIVERSO

GmailDrive – Esse não é bem um serviço, é um aplicativo que você instala no Windows e um drive virtual surge no Meu Computador. Ao clicar nesse drive, você deve preencher seu e-mail e senha do GMail, e a partir daí poderá utilizar os 6 GB disponíveis para armazenar o que quiser. Os arquivos também estarão disponíveis se você entrar pela página principal do GMail. É uma gambiarra, mas funciona bem. Usa o próprio Windows Explorer para visualizar os arquivos. Operações como mover e renomear são extremamente lentas.


PROFESSOR ABRAHAO RECOMENDA COM RESALVAS

Qual serviço de armazenamento on-line você usa? Comente!

Fotos no DVD Player

Depois da revolução da câmera digital, são poucas as pessoas que se dão ao trabalho de revelar as fotos em papel. Eu pelo menos há anos que não ponho os pés numa loja de fotografias. Prefiro deixar tudo arquivado no computador (e em CDs ou DVDs).

O chato é que muitas vezes quando temos visitas e queremos mostrar as fotos, temos que espremer o pessoal em frente à minúscula tela de 15” ou 17” do monitor do PC, isso sem falar no desconforto de ficar em pé atrás da cadeira.

Há algum tempo, uso um excelente programa chamado ProShow para criar vídeo álbuns que além de incluir efeitos visuais na transição das imagens, permite inserir trilha sonora e diversos outros efeitos no vídeo. Infelizmente o programa é pago.


Resolvi pesquisar algumas soluções gratuitas e encontrei os seguintes programas:

EasyPhotoTools – É um programa bem intuitivo, com visual parecido com o Windows Explorer. Requer um codificador externo como o HC Encoder. No meu teste não consegui visualizar o vídeo, só o áudio (isso no PC, não testei no DVD player).

XatShow – É outro programa semelhante, que possui uma versão gratuita (aprece o texto xatshow demo no vídeo gerado). Esse eu também achei fácil de usar e consegui visualizar no PC.


PhotoStage – Esse é o mais simples (tem apenas 390Kb), mas cumpre o papel. Só possui dois efeitos de transição, mas aceita músicas e consegue exportar em diversos formatos diferentes. Não consegui ver o resultado Final em DVD pois o programa não gera imagem antes de gravar, ele requer gravação direta para o disco, como não tinha nenhuma mídia disponível, não testei. Mas salvei só o arquivo MPEG2 e a qualidade é excelente. Escolheria esse pela facilidade de uso. Ele baixa alguns plugins para poder converter certos tipos de vídeo, então uma conexão com a internet é aconselhável nas primeiras execuções.

A soluções gratuitas não são tão personalizáveis quanto o ProShow. Vale a pena investir no programa pago e ter um resultado profissional.

Você costuma fazer video-albuns? Comente!

Proteja seu notebook contra roubos

Depois de suar a camisa e juntar a grana para comprar o note, nada mais justo que tomar todo o cuidado para não ser assaltado e perder o preciso companheiro. Outro dia lendo a revista Software & Segurança, me deparei com algumas dicas de como se previnir de um assalto (fiz algumas adaptações no texto original).


01. Grandes centros comerciais e aeroportoes estão entre os locais de maior ocorrência de roubos e furtos.

02. Avalie sempre se é realmente necessário levar o notebook do trabalho para casa (ou de casa para a faculdade). Shopping e outros lugares abertos devem ser evitados a qualquer custo. Se possível, passe primeiro em casa para deixar o notebook antes de ir para um lugar onde não irá usá-lo. Na maioria das vezes, um pendrive com os arquivos que serão usados já resolve o problema, basta plugá-lo em qualquer micro.

03. Em aeroportos e locais movimentados, a dica básica de segurança é que o usuário não se descuide com o botebook, especialmente enquanto compra lanche, visita uma loja ou faz um telefonema. Os assaltantes acompanham a vítima e, ao menor sinal de desatenção do usuário, eles trocam a mala com o notebook por uma maleta falsa, que tem revistas ou um tijolo dentro para simular o peso do equipamento. A maioria das pessoas só se dão conta do furto muito tempo depois.

04. Os assaltantes contam com olheiros que observam usuários de notebooks em eventos, na saída de empresas, hoteis ou aqueles que se descuidam do aparelho na rua enquanto falam ao telefone. Esse olheiros avisam os comparssas que realizam assaltos a mão armada contra motoristas ou mesmo passageiros de taxi.

05. Evite usar a maleta tradicional do notebook. Procure carregar o equipamento em uma mochila comum.



06. Quando levar o notebook no carro ou pegar um taxi, coloque o equipamento no porta-malas antes de sair do estacionamento. NUNCA transporte no colo ou sobre o banco do veículo, pois isso permite a fácil visualização e, consequentemente a ação dos assaltantes. Muitos assaltantes seguem o taxi até um local mais afastado ou esperam que o veículo pare no trânsito para o passageiro descer e efetuam o roubo.

07. Faça um seguro para o notebook, principalmente se é uma máquina nova e cara. Veja se o seguro cobre qualquer tipo de roubo e não apenas assalto ou roubo qualificado.

08. Evite andar sozinho quando carregar o notebook. Prefira grupos com 4 ou mais pessoas. E seja o mais discreto que puder.

Quais outras dicas você daria para ajudar a proteger o notebook? Comente!

quinta-feira, 24 de janeiro de 2008

STEPMANIA: Mania de dançar

Há muitos anos, no túnel do tempo, lembro de quando lá no Playgame de Edson “Urso”, os garotos se empurravam para conseguir agendar uma hora no Playstation para jogar o recém chegado Dance Dance Revolution. Era um jogo diferente dos demais, pois o objetivo não era matar inimigos ou salvar princesas, e sim acompanhar o ritmo da música, fazendo o personagem dançar e ganhar destaque da câmera que filmava os competidores.


O jogo não me chamou tanta atenção até o dia em que eu fui ao shopping e vi uma fila enorme de gente esperando para jogar no arcade aquele mesmo jogo que os garotos lá do playgame quase quebravam os joystics para vencer. A grande diferença é que ao invés de usar o controle manual, as pessoas tinham que usar os pés e reproduzir sobre uma espécie de tapete os movimentos do personagem da tela. Foi aí que o jogo me conquistou.



Nunca fui de dançar, mas queria experimentar a brincadeira. Experimentei e viciei. Tanto que quando cheguei em casa, só sosseguei quando comprei na internet um controle em forma de tapete que ligado ao computador simula o jogo do arcade. Já coleciono cerca de 1000 músicas e diversos programas do gênero (Stepmania, DWI, PUMP IT UP). Até montei um blog sobre o assunto, mas por falta de tempo deixei um pouco de lado.


No Mossoró West Shopping tem uma dessas máquinas, e toda hora que passo por lá, é enorme a fila de adolescentes dançando ao ritmo dos alucinados temas remixados dos animes japoneses. Eu até já tentei brincar na máquina de lá, mas não me dei muito bem, pois a plataforma é de um modelo diferente e bem maior que o tapete que tenho em casa, e quando vou pisar acabo errando o local... e lá se foi meus R$ 2,00 (da ficha) na primeira tentativa. Decidi ficar brincando só em casa mesmo e poupar meu rico dinheirinho.

Se quiser conferir minha performance, assista esse video. Foi o primeiro que eu gravei, hoje já estou mais craque! : )

Você curte esse tipo de jogo? Comente!

Minha vida de fotógrafo

Desde sempre eu gostei de fotografia. Lembro que quando era pequeno, brincava com a câmera fotográfica do meu pai, uma Tekinha. E quando meu tio vinha do Rio de Janeiro e trazia o equipamento fotográfico dele, eu ficava de olho e o tempo todo ali por perto pra ver se ele me deixava mexer.


Um dos meus sonhos de criança era possuir uma câmera Polaroid, daquelas que se podia ter a foto revelada na hora (ou quase), era muito comum vê-la nos filmes dos anos 80. Pena que ela custava uma mini-fortuna.




Em 2003, meu amigo Thiago Alex, me apresentou ao mundo da fotografia digital. Com a ainda em funcionamento, porém aposentada PC CAM 300 da Creative. Minha primeira câmera digital, que não mostrava a foto na hora, mas já economizava uma nota com revelação. Naquela época de novidade, cheguei a tirar cerca de 6000 fotos, e muitas delas ainda estão publicadas no meu site www.ABRCAM.2ya.com o qual não atualizo mais com tanta freqüência.




Ainda em parceria com o Thiago, cheguei a fazer uma graninha fotografando o pessoal do Carcarás do Asfalto em alguns encontros de motociclismo (com uma Fuji de 2.0 MP e zoom óptico). Mas minha carreira de fotógrafo não foi muito longe...

Hoje já vivemos na era dos MegaPixels e fotos de altíssima resolução. Minha atual câmera já está incrivelmente ultrapassada (apesar de ter ai uns 2 anos no máximo). É uma Kodak de 2.0 MP, com cartão de 64MB. Não é uma Brastemp, mas quebra meu galho. Nessa nova máquina acho que não cheguei nem à 1000 fotos ainda, pois tenho clicado menos e aproveitado mais os lugares onde vou.



Para os próximos anos não tenho planos de comprar outra câmera. Enquanto essa funcionar estarei usando-a (a menos que apareça alguma promoção imperdível...).

E você? Qual sua máquina e seu fotolog? Comente!

Design do Blog

Recebi algumas sugestões pedindo para eu melhorar o visual do Blog. Bom, não vou negar que até procurei alguns templates em diversas páginas, mas não encontrei nenhum que possuísse tema de informática e nenhum outro me agradou. Então, por hora desisti de mudar o visual. Como diz o ditado popular, não julgue o livro pela capa. Vou priorizar o conteúdo à aparência.

Mas se alguém quiser indicar (ou criar) um modelo, ficarei compromissado a pensar sobre a mudança.

Obrigado pelas visitas! Um abraço.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Dica de Passeio: Gosto e Sabor

A Pizzaria Gosto e Sabor foi um dos poucos lugares aqui de Mossoró que eu visitei por indicação (a maioria vou de tentativa e erro). Essa foi difícil de encontrar. Fica numa rua bem escondida próximo ao UPA do Alto São Manoel (ver mapa), mas a procura valeu à pena.


Além de pizzas excelentes, também encontramos diversos outros pratos (a maioria são massas), como a deliciosa panqueca de carne, frango, camarão ou mista (que é servida numa travessa de barro, acompanhada de macarrão com bastante molho). A lasanha também é muito boa.

O ambiente é coberto (muito importante nessa época em que as chuvas estão começando) e bem agradável. Durante a semana funciona entre as 17:00h e 23:00h. Eles também abrem para almoço nos feriados.

Até a última vez que estive lá, eles não aceitavam cartão de crédito, só dinheiro. A única desvantagem que posso apontar (mas que talvez já tenha sido resolvida! Se alguém for lá, me avise se isso mudou).

PROFESSOR ABRAHÃO RECOMENDA

Agora vocês já sabem onde eu ganho meus quilinhos extras!

Você já conhece a Gosto e Sabor? Comente!

Download de Torrents e Busca Agrupada

Dez anos atrás, para conseguirmos os tão cobiçados mp3 (que nas máquinas da época demoravam 15 minutos para compactar cada música), o programa de compartilhamento da moda era o Napster. Tempo depois este foi ofuscado pelo Kazaa, que é considerado o pai dos compartilhadores modernos (eMule, Shareza, LimeWire, etc).

Apesar de usar bastante o eMule para conseguir músicas, existe outro programa que costumo usar para baixar os seriados que acompanho: uTorrent, uma variante do BitTorrent.


Para quem não conhece o sistema de funcionamento da rede BT, vou explicar por cima: o programa de baixar não possui mecanismo de busca (como o eMule), os arquivo .torrent ficam hospedados em um servidor HTTP que deve oferecer um mecanismo de busca para localizar o arquivo que você procura. Depois de uma pesquisa rápida, você baixa para seu computador o arquivo .torrent que contem as informações de como conectar com as outras pessoas que possuem o vídeo desejado.

Já venho usando o programa há algum tempo, veja minhas estatísticas:


O grande problema dessa rede sempre foi encontrar os arquivos para baixar, pois muitos sites que ofereciam a busca de arquivos foram fechados pela polícia americana. Recentemente uma nova ferramenta foi lançada e que me surpreendeu pela facilidade de uso e pela quantidade de resultados. O site YouTorrent é um agregador de buscas, que reúne 13 dos melhores sites (mininova, isohunt, thepiratebay, etc) de torrents numa única tela. Agora ficou fácil encontrar o arquivo que você precisa.


Você já conhecia esse sistema de download? Comente!

Dica de Informática: Hiberne o seu computador

Uma coisa que percebi quando estamos ligando o micro é que o tempo de espera é muito grande. Principalmente em sistemas que estão há muito tempo sem uma formatação. O micro que uso no trabalho, demorava cerca de 3 minutos para iniciar, chega me dava uma impaciência. O mesmo acontecia com o Notebook, que levava quase 2 minutos.

Pra mim, computador era pra ser igual a televisão. Apertou o botão já está pronto. E estamos quase chegando a isso, segundo este artigo (Linux dá boot em 5 segundos).

Enquanto essa maravilha não se torna popular, podemos arriscar duas opções:

1. Otimizar o Boot, com programas específicos para isso, como o Portinho Boot XP (gratuito). Depois que rodei esse programa, melhorou em aproximadamente 50% o desempenho do boot.


2. Hibernar o Computador. Nesse processo, o sistema salva todos os dados da memória RAM no disco, e ao carregar o sistema, tudo volta como estava antes de ser hibernado, inclusive os programas que estavam abertos, musicas sendo reproduzidas e tudo mais. Há alguns meses venho usando essa solução, e percebi que o tempo de boot caiu pra menos da metade (isso varia de PC para PC).

Para hibernar, verifique se no Painel de Controle, em Opções de Energia, na aba Hibernar, a opção Ativar hibernação está habilitada.



Quando finalizar o uso do Windows, vá no Menu Iniciar > Desligar, e na tela que surge, mantenha SHIFT pressionado ao clicar no botão amarelo (Em Espera muda para Hibernar). Demora um pouco para encerrar o Windows, mas o tempo de boot é extremamente mais rápido.


Você conhecia esse recurso? Comente!